top of page

Você sabe o que é o transtorno dismórfico corporal?

Atualizado: 22 de ago. de 2022



O transtorno dismórfico corporal geralmente começa durante a adolescência e ocorre com mais frequência em mulheres. Aproximadamente 2% a 3% das pessoas apresentam o transtorno. O transtorno dismórfico corporal é uma condição psicológica que se caracteriza pela preocupação intensa com a aparência. A pessoa dá importância exagerada a defeitos pequenos que, apesar de imperceptíveis para outras pessoas, assumem uma dimensão enorme aos seus olhos.



Quais os sintomas?


O rosto ou a cabeça costumam ser os principais motivos de preocupação, mas ele pode estar relacionado a qualquer outra parte ou várias partes do corpo, e pode mudar de uma parte do corpo para outra. Por exemplo, é possível que a pessoa esteja preocupada com supostos defeitos, como queda de cabelo, acne, rugas, cicatrizes, cor da pele ou excesso de pelo facial ou corporal. Uma pessoa também pode concentrar-se na forma ou no tamanho de uma parte do corpo, como o nariz, os olhos, as orelhas, a boca, os seios, as pernas ou as nádegas. Alguns homens com constituição física normal, ou até mesmo atlética, sentem-se franzinos, e tentam obsessivamente aumentar o peso e os músculos. É possível que a pessoa descreva as partes do corpo de que não gosta como feias, pouco atraentes, deformadas, medonhas ou monstruosas.



O sofrimento com o espelho


A maioria das pessoas com transtorno dismórfico corporal tem dificuldade de controlar sua preocupação e gastam horas todos os dias preocupando-se com seus supostos defeitos. É possível que a pessoa pense que os outros estão reparando nela ou ridicularizando-a devido aos defeitos de sua aparência. A maioria das pessoas inspeciona-se com regularidade no espelho, outras evitam os espelhos e outras alternam entre os dois comportamentos. Muitas pessoas se arrumam de forma compulsiva e excessiva, cutucam a própria pele (para remover ou arrumar os supostos defeitos de pele) e buscam reafirmação sobre os supostos defeitos. Elas podem frequentemente mudar de roupa para tentar esconder ou camuflar seu "defeito" ou tentar melhorar a aparência de outras formas.



Transtorno dismórfico corporal e os transtornos alimentares:


O transtorno dismórfico corporal tem uma relação com os transtornos da alimentação, principalmente a anorexia nervosa.



Como é feito o tratamento?


Geralmente, o tratamento para a dismorfia corporal é feito com sessões de psicoterapia e uso de medicações psiquiátricas quando necessárias.

8 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page